Champions League. Chuva de portugueses no Mestalla

Grupo H - 1ª jornada
Valência 2 Zenit 3
Golos: João Cancelo, André Gomes - Hulk 2, Witsel


Um grande jogo entre equipas que são treinadas por técnicos portugueses. Nuno Espírito Santo no Valência e André Villas Boas orienta o Zenit. No campo também estiveram vários jogadores nacionais ou que já actuaram no campeonato português. Nos homens da casa alinharam João Cancelo, André Gomes e Enzo Pérez. Nos russos, Garay, Witsel, Javi Garcia, Hulk e Danny foram utilizados. Todos eles foram decisivos. 

O primeiro protagonista do jogo foi João Cancelo que mandou uma bola à barra. A resposta do Zenit surgiu com um golo de Hulk aos 9 minutos após um passe de Danny. O Valência reagiu através de Negredo, Piatti e Dani Parejo. Os três homens da frente foram perdulários. Quem não despediçou foi o brasileiro do Zenit, que marcou o segundo aos 45 minutos. O resultado indicava que estava praticamente tudo decidido. 

Puro engano.

Na segunda parte, o técnico da casa lança André Gomes. João Cancelo continuou a sua boa exibição e marcou o 1-2. Poucos minutos depois foi o médio português a empatar o jogo. Os médios do Zenit baixaram de produção durante este período.

O golo de Witsel aos 77 minutos fechou o resultado. A exibição das duas equipas merecia uma divisão de pontos, mas os russos foram mais eficazes. 

A qualidade de Zenit e Valência é superior a Lyon e Gent, mas os espanhóis têm de rever alguns processos de jogo.  

Comentários

Mensagens populares