Treinador do Sporting e do Benfica


A vitória do Sporting sobre o Benfica na Luz não está em causa, mas os comportamentos do técnico leonino e ex-treinador do Benfica merecem ser analisados. 

Na mesma conferência de imprensa, o treinador mais famoso do país, disse que o Sporting era melhor do que o Benfica e que os encarnados foram superiores aos leões. Ou seja, num primeiro instante vangloriou-se pela forma como o Sporting venceu o rival nos dois jogos realizados nesta época. No segundo momento, fez questão de mostrar a superioridade do Benfica sobre o adversários nos últimos 14 jogos disputados sob a liderança de Jesus. Isto é, por causa de Jesus o Benfica venceu o Sporting e os leões já conseguem derrotar o vizinho da segunda circular. O problema não foi só o que Jesus disse na conferência de imprensa. Na antevisão do jogo recolheu todos os créditos sobre a forma como o Benfica joga. 

Jorge Jesus age como se fosse treinador do Sporting e do Benfica ao mesmo tempo, já que, as vitórias leoninas têm o seu cunho pessoal e o passado glorioso encarnado também se deve à sua qualidade. O técnico quer estar nos dois lados. Isto é, ter sucesso nos leões e que Rui Vitória não conquiste nenhum título para não dar argumentos à estrutura encarnada. Parece que Jesus quer controlar os dois clubes. O que será quando for para o FC Porto. 

A dimensão do ego de Jorge Jesus não lhe permite esquecer o passado e concentrar-se no presente. Por estas razões, Jesus já pensa na conquista do futuro que passa inevitavelmente pelo dragões. 

Comentários

Mensagens populares