Champions League. Chelsea agradece invenções de Lopetegui

Grupo G - 6ª jornada
Chelsea 2 FC Porto 0
Golos: Marcano a.g, Willian


Os dragões estão fora da Liga dos Campeões e vai continuar na Liga Europa após a derrota contra o Chelsea e devido à vitória do Dinamo Kiev em casa frente ao Maccabi Tel-Aviv. No entanto, o FC Porto nada fez para contrariar o favoritismo dos ingleses. O sinal de medo perante o adversário surgiu com a escolha do onze titular por parte de Lopetegui. O técnico espanhol alinhou com um 4x3x3 sem um ponta-de-lança. Aboubakar ficou no banco, cabendo a Brahimi, Layun e Jesús Corona a tarefa de incomodar a baliza adversária. Nenhum conseguiu causar perigo à defesa e só quando o camaronês entrou os dragões conseguiram criar perigo. Nesse momento o resultado estava 2-0.  

As más escolhas iniciais de Lopetegui não se ficaram por aqui. André André ficou lesionado na véspera, mas Rúben Neves continuou no banco. Imbula não convence. Porque não perguntar onde anda Cristian Tello e o espanhol Albert Bueno. Os dragões tinham de vencer, mas o técnico nem sequer apresentou um ponta-de-lança.

O Chelsea não fez um grande jogo, nem podia devido ao momento que atravessa, mas fez quanto baste para ficar em primeiro lugar e salvar a temporada tentando a conquista da Champions League.


Comentários

Mensagens populares