18ª jornada


O campeonato está cada vez mais emocionante. Os leões empataram contra o Tondela em casa, mostrando as debilidades que levaram a uma vitória sofrida contra o Sp.Braga. Uma exibição frouxa que permitiu a aproximação do Benfica. As águias venceram com categoria no Estoril, apesar do susto, e só estão a dois pontos da liderança. Uma recuperação notável de menos 7 pontos para -2 em poucas jornadas. Rui Vitória começa a conquistar a confiança dos jogadores, sendo que, nem as ausências de Luisão, Gaitán e Nélson Semedo se fizeram notar. 

A jornada fica marcada por mais uma derrota dos dragões. A visita ao castelo de Guimarães não correu bem e o clube está a cinco pontos da liderança. Uma distância que permite a José Peseiro ainda acreditar na conquista do campeonato. 

Os quatro últimos classificados conquistaram pontos nesta jornada, pelo que, mantiveram o sonho da permanência intactos. Nesta luta há várias equipas que vão sofrer bastante, como é o caso Marítimo, Nacional, Belenenses e Estoril. A alteração de figurino da nossa liga coloca as formações na parte inferior da tabela. O Marítimo ficou sem treinador, já que, Ivo Vieira pediu a demissão após a derrota contra o União da Madeira. 

A grande figura da chama-se Vitória de Guimarães que já vê os lugares europeus. 

Positivo
Empate do Tondela em Alvalade, exibição raçuda do Vit.Guimarães contra o FC Porto, União Madeira venceu o Marítimo nos Barreiros, primeira vitória de Erwin Sanchez,

Negativo
Más exibições de Sporting e FC Porto, Ivo Vieira abandona comando técnico do Marítimo, Nacional em queda livre,

MVP´S da jornada: Salva Chamorro(Tondela), João Real(Académica), Jhon Cadiez(União Madeira), Pizzi(Benfica), Vítor Gomes(Moreirense), Sturgeon(Belenenses), Pedro Santos(Sp.Braga), Bouba Saré(Vit.Guimarães), Renato Santos(Boavista)

Melhor jogador da 17ª jornada: Jonas (Benfica)
Melhor jogador da 1ª volta: Jonas (Benfica)

Comentários

Mensagens populares