Liga NOS. Dragões sem hipótese de apuramento directo para a Champions

28ª jornada
FC Porto 0 Tondela 1
Golo: Luiz Alberto


O Tondela vai descer de divisão, mas leva como recordação da primeira participação na liga principal uma vitória no Dragão e um empate em Alvalade. A equipa de Petit surpreendeu os pupilos de José Peseiro que não têm mais motivação para o resto do campeonato após cada vitória do Benfica. 

Os dragões dependem da individualidade de Brahhimi e Corona, sendo que, Aboubakar farta-se de falhar golos. O camaronês é um sombra daquilo que foram Jackson Martínez e Radamel Falcão. 

O Tondela sufocou os portistas no início da segunda parte até à marcação do golo. Nos restantes minutos ninguém conseguiu furar a baliza de Cláudio Ramos que efectuou boas defesas. O FC Porto não tem um médio que faça a ligação ao ataque, estando dependente de Brahimi e Corona, que surgem algumas vezes na zona central. O 4x3x3 imposto pela SAD aos técnicos não resulta. 

O resultado não evita a descida do Tondela, mas acaba com as esperanças dos azuis e brancos na conquista do segundo lugar. José Peseiro começa a pensar num novo trabalho na próxima temporada.

Melhor em campo: Luiz Alberto

Comentários

Mensagens populares