1ª jornada



O campeonato da Europa começou sem grandes surpresas, já que, as selecções mais fortes venceram, embora com dificuldade. O equilíbrio tem sido a nota dominante da primeira jornada, havendo algumas selecções que mostraram valor para estar em França, como é o caso do País de Gales e da Hungria. As duas equipas ganharam balanço para o apuramento porque os quatro terceiros melhores classificados também se apuram. A Islândia que se estreia também fez um bom resultado frente a Portugal. 

Na primeira ronda marcaram-se 14 golos, sendo que, não houve nenhum 0-0. Tendo em conta que ninguém deve ficar eliminado na segunda jornada, espera-se mais futebol atacante porque o número de golos também vai ser importante para escolher as equipas que se apuram para a próxima fase. 

No capítulo individual ainda não houve destaques, a não ser nos golos marcados. No entanto, Iniesta merece estar à frente de todos os outros porque conduziu a Espanha à vitória contra a República Checa. 

Ainda é cedo para falar em favoritos, mas nota-se capacidade e vontade na Espanha, Alemanha e Itália. A Croácia também deve chegar longe.

Melhor selecção:
A Itália venceu a Bélgica através do futebol defensivo. No entanto, existe talento para resolver jogos como se verificou, apesar dos problemas que afectaram o futebol italiano. Os jogadores podem não ser excelentes, mas o treinador é o mais indicado para a Squadra Azzura voltar aos títulos. Recorde-se que no Mundial da Alemanha as dúvidas eram as mesmas.

Melhor jogador
Andrés Iniesta não foi considerado o homem do jogo no Espanha - República Checa pelo Golo porque privilegiamos quem marca, mas o médio do Barcelona carregou a equipa às costas com passes fantásticos para os pontas-de-lança marcarem. O craque corre o risco de ser o melhor jogador do torneio e repetir a nomeação do Euro 2012. Que grande jogador!

MVPs da jornada: Dimitri Payet (França), Fabian Schar (Suiça), Robson-Kanu (País de Gales), Eric Dier (Inglaterra), Milik (Polónia), Mustafi (Alemanha), Luka Modric (Croácia), Gerard Piqué (Espanha), Mats Olsson (Suécia), Eden Hazard (Bélgica), Baumgartliner (Áustria), Nani (Portugal)

Comentários

Mensagens populares