A ausência dos craques


No Campeonato da Europa algumas estrelas não estão a brilhar como se esperaria, como é o caso de Cristiano Ronaldo e Zlatan Ibrahimovic. Por causa da ausência de golos dos dois, a selecção portuguesa e sueca ainda não venceram, sendo que, os suecos só marcaram um golo contra a República da Irlanda da autoria de Clark, embora o avançado sueco tenha estado na jogada. 

A excessiva dependência relativamente a Cristiano Ronaldo na selecção levou à mudança de táctica por Fernando Santos em duas ocasiões. Por seu lado, o jogo da Suécia visa exclusivamente meter bolas na área para aproveitar as qualidades de Ibrahimovic. 

A selecção portuguesa tem mais hipóteses de ser apuradas do que a Suécia, mas a qualidade de jogo sofre devido à dependência dos dois craques. 

A falta de concretização tem a ver com factores distintos. Ronaldo revela ansiedade, mas também luta pouco para ganhar a bola, preferindo ficar à espera que lhe caia nos pés. O individualismo também se nota nos livres que teima em falhar. O sueco tem tido pouca bola, embora também faça pouco quando pode finalizar. 

O estatuto de ambos os jogadores não os relega para o banco de suplentes, mas o português e o sueco podem ter a última oportunidade de se mostrarem numa grande competição a nível de selecções.

Comentários

Mensagens populares