As Selecções do Euro: Inglaterra



Os ingleses são uma das selecções mais fortes, mas na hora da verdade perdem sempre para os favoritos. Nesta edição, os adeptos sonham com a conquista do primeiro título europeu. A fase de grupos não será difícil de ultrapassar, sendo, interessante seguir o duelo com o estreante País de Gales. O jogo com a Rússia será para perceber quem fica no primeiro lugar e se a equipa tem condições para chegar longe. 

O técnico inglês recrutou os 23 convocados na Premier League porque é neste campeonato que habitam todos os jogadores. Destaque para a inclusão do ex-Sporting Eric Dier e do novo menino bonito do United, Marcus Rashford. 

O sector defensivo é o mais frágil, apesar das presenças de Chris Smalling, John Stones e Gary Cahill. No entanto, parece não haver suporte por parte do meio-campo quando a equipa estiver em dificuldades. Dier e Jordan Henderson são os únicos que podem cumprir a função porque os restantes são jogadores de ataque. 

No plano ofensivo estamos perante craques de qualidade. Harry Kane, Wayne Rooney, Daniel Sturridge, Jamie Vardy e o craque do Manchester United garantem golos. Iremos ter uma selecção inglesa à procura do golo. 

As prestações dos ingleses não são constantes, já que, nas eliminatórias não encontram equilíbrio necessário e que se pode encontrar em equipas como a França, Espanha, Alemanha, Bélgica e Portugal. O problema não está nas escolhas do seleccionador, mas na falta de vocação para criar jogadores fortes no aspecto defensivo. 

Comentários

Mensagens populares