Liga NOS


O campeonato nacional regressa a meio do mês. As 18 equipas irão entrar em campo para conquistar os objectivos delineados no princípio da temporada. 

O alvo a abater será o Benfica porque é o tricampeão e todos têm vontade de derrotar o líder. Os dois rivais, Sporting e FC Porto, são os principais candidatos a chegar ao topo, mas não vai ser fácil porque o Benfica contratou bons jogadores para chegar o mais longe possível na Champions e renovar o título. A estreia de Nuno Espírito Santo no banco dos azuis e brancos é uma nota positiva, embora tudo dependa dos reforços. Por seu lado, Jesus espera contar com os campeões europeus durante a próxima temporada para manter o equilíbrio da equipa. O Sp.Braga tem condições para assustar os três primeiros lugares. Peseiro regressa ao Minho com o intuito de vencer um troféu, o que aconteceu pela última vez ao serviço dos guerreiros. Pela primeira vez em muitos anos a base da equipa fica mais uma temporada.

A luta pela Europa é sempre interessante. Neste ano temos o regresso do V.Guimarães sob o comando de Pedro Martins, o Arouca de Lito Vidigal e um promissor Rio Ave orientado por Nuno Espírito Santo. A grande incógnita tem a ver com a prestação das equipas madeirenses que andaram a lutar pela manutenção na última temporada. O Belenenses também pode ameaçar os lugares europeus, mas os outros clubes têm melhores condições. Há que contar também com o Paços de Ferreira.

As restantes equipas pretendem lutar pela manutenção, em particular os primodivisionários Desp.Chaves e Feirense. No entanto, os flavienses mostram ambição para mais. Uma nota para a entrada de Pepa para o comando técnico do Moreirense. O Tondela espera fazer melhor do que andar toda a temporada na linha de descida. Veremos se o Boavista e o V.Setúbal vão dar um salto qualitativo para lutarem por outros objectivos. 

Um campeonato que será 100% televisionado e acompanhado pelo GOLO. 

Comentários

Mensagens populares