Other Languages

segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

Liga NOS. Sadinos aproveitaram melhor jogo aéreo para chegarem à vitória

19ª jornada

V.Setúbal 1 Benfica 0

Golo: Zé Manuel
MVP: Zé Manuel - Luisão

Uma exibição frouxa do campeão nacional que confirma o mau momento iniciado com o empate frente ao Boavista. 

Os encarnados jogam sem raça, vontade e pior que tudo, velocidade. Os jogadores criativos deixaram de fazer a diferença perante as defesas mais fechadas. 

O primeiro tempo fica marcado pelo jogo directo das duas equipas. Os cruzamentos para aproveitar os cabeceamentos eram a melhor forma de tentar chegar ao golo. Neste aspecto, os sadinos levaram a melhor sobre o adversário. Apesar de serem altos, Jonas e Mitroglou raramente conseguiam chegar às bolas provenientes de Zivkovic. Os extremos encarnados também não estiveram com inspiração e Pizzi esteve muito longe dos dois pontas-de-lança. 

A estratégia utilizada pelo Benfica também foi copiada pelo V.Setúbal, mas com maior sucesso no capítulo da finalização.

Após o intervalo, Rui Vitória lançou Rafa, mas o nível de jogo baixou consideravelmente, não havendo sequer espaço para imitar o plano da primeira parte. Não existiu arte para ludibriar os adversários. 

O V.Setúbal tem sido um verdadeiro problema para os grandes clubes. O Sporting foi a única equipa que venceu os sadinos para o campeonato, embora o jogo tivesse sido em Alvalade. O empate na primeira volta contra o FC Porto permitiu ao Benfica ganhar vantagem. Os três pontos alcançados nesta ronda mostram que os sadinos são a formação com mais interferência na decisão do título, além de ganharem ânimo na luta pelo quinto lugar, depois o empate entre V.Guimarães e Marítimo.

O mês de Janeiro acabou por ser fatal para o Benfica porque só conquistou 4 pontos, perdendo a vantagem de quatro pontos para o FC Porto. 

Sem comentários:

Enviar um comentário