Other Languages

terça-feira, 31 de janeiro de 2017

Premier League. Liverpool não tem equipa para disputar o título

23ª jornada

Liverpool 1 Chelsea 1

Golos: Wijnaldum - David Luiz

O jogo defraudou as expectativas, em particular os adeptos do Liverpool que começam a ficar cansados de Jurgen Kloop. Após uma semana em que o clube foi eliminado da Taça da Liga Inglesa e da Taça de Inglaterra em casa, só a vitória poderia alimentar a esperança de Anfield Road voltar a festejar o título nacional. 

O futebol praticado pelos reds assenta na posse de bola, mas falta um finalizador que saiba terminar algumas jogadas bem conseguidas pelos médios mais criativos. Nos primeiros 20 minutos, o domínio foi evidente, embora sem oportunidades de golo, pelo que, aos 24 minutos, o golo de David Luiz num pontapé de livre que apanhou a barreira adversária desprevenida, gelou o estádio. 

O pior poderia ter acontecido na jogada seguinte com o mesmo protagonista chegando tarde a um cruzamento de Hazard. 

A situação continuava crítica porque os anfitriões mantinham vantagem na posse de bola, mas não conseguiam ultrapassar a primeira linha defensiva do Chelsea. As duas equipas foram para os balneários com apenas dois remates à baliza em 45 minutos.

No segundo tempo, a primeira jogada pertenceu ao Liverpool com Firmino a desperdiçar uma boa ocasião na cara de Courtois após um bom trabalho de Lallana. A sorte acabou por sorrir aos 57 minutos com o golo de Wijnaldum de cabeça. 

Os principais craques das equipas não se esconderam, apesar da luta que se travou a meio-campo. Coutinho e Hazard cumpriram bem o papel, mas o grande destaque é a exibição de Kante devido às inúmeras recuperações de bola. O antigo jogador do Leicester ainda protagonizou uma assistência que Moses desperdiçou na grande área do adversário.

Os últimos quinze minutos foram intensos com Diego Costa a falhar uma grande penalidade. Nos descontos, Pedro Rodríguez e Firmino tiveram oportunidade de colocar as respectivas equipas em vantagem. 

A divisão de pontos favorece o Chelsea porque as duas equipas de Londres perderam pontos, cabendo aos rivais de Manchester aproveitarem para colocarem pressão no líder. 

Sem comentários:

Enviar um comentário