Other Languages

terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

Champions League. Meio-campo agradece a Ederson ter mantido o Benfica em vantagem

Oitavos-de-final 
1ª Mão

Benfica 1 Borussia Dortmund 0

Golo: Mitroglou

Uma grande exibição de Ederson permitiu ao Benfica ficar em vantagem na eliminatória, podendo encarar o desafio da segunda mão como o fez na segunda parte. O guardião brasileiro defendeu quatro remates perigosos, sendo que, num deles impediu Aubameyang de converter uma grande penalidade no segundo tempo.

O treinador benfiquista abordou o jogo com cautelas, colocando Rafa em vez de dois pontas-de-lança. Jonas estava fora de combate e Jiménez vem de uma lesão, mas reforçar o meio-campo foi sempre a intenção de Rui Vitória. 

No primeiro tempo, as duas melhores oportunidades pertenceram aos visitantes que aproveitaram a forma displicente como o Benfica ainda não consegue sair a jogar desde a baliza. Neste capítulo a dupla Pizzi-Fejsa deu mostras que não está ao mais alto nível, como se tem visto nos últimos desafios. O cansaço não explica tudo, havendo questões tácticas por detrás da aparente quebra física e psicológica. 

A segunda parte trouxe mais agressividade dos encarnados com duas boas jogadas antes dos 50 minutos, sendo que, numa delas origina o canto que dá o primeiro golo de Mitroglou, após o cabeceamento de Luisão não ter sido agarrado à primeira pelo guardião suíço. O Dortmund ficou alguns instantes sem saber o que fazer e o Benfica recuou. Vitória tirou Rafa para colocar Filipe Augusto e formar uma linha de cinco médios com Mitroglou na frente. 

Os alemães mantiveram a estratégia habitual com a maior parte das jogadas a serem desenvolvidas pelos flancos para aproveitar as movimentações de Aubameyang na área. Os encarnados sujeitaram-se aos ataques, mas depois não poderiam utilizar o contra-ataque porque havia sempre quem perdia a bola na saída da área. Nem mesmo com a ajuda do ex-Rio Ave a situação melhorou. O Dortmund deu tudo o que tinha, falhando um penalti e submetendo Ederson a um rigoroso exame para tentar regressar à selecção canarinha, uma vez que, Taffarel esteve na Luz para ver o guardião. 

O Benfica começa o jogo da segunda mão em vantagem, mas se continuar a cometer os mesmos erros defensivos não irá conseguir aguentar a pressão que o Dortmund irá fazer nos primeiros minutos. Não chega ter Ederson em boa forma, também é preciso perceber o que está a falhar no meio-campo. 

Man of the Match. Ederson 

Sem comentários:

Enviar um comentário