La Liga. Opções de Pellegrino abriram caminho a mais uma goleada do Barcelona

22ª jornada

Alavés 0 Barcelona 6

Golos: Luis Suarez 2, Neymar, Messi, Rakitic, Alexis a.g

Os dois finalistas da taça do Rei de Espanha protagonizaram um duelo desequilibrado. O Barcelona dominou o encontro como quis, pautando sempre os próprios ritmos e do adversário. 

Os dois golos no primeiro tempo com intervenção directa e indirecta de Luís Suárez terminaram com as esperanças do Alavés. A equipa basca optou por manter no banco os heróis da meia-final, sendo que, Edgar e Ibai Gomez nem sequer foram convocados. 

No segundo tempo, o Barcelona esteve ainda mais forte, marcando mais quatro golos, sempre com a intervenção do trio MSN. Os três jogadores deveriam incluir o português André Gomes pela importância na manobra da equipa, não só a defender, mas também a atacar. Não é por acaso que Iniesta continua no banco de suplentes...

A pressão que os médios blaugrana fizeram no meio-campo, impediu os avançados do adversário terem espaço para contra-atacar permitindo a subida dos médios. O técnico Mauricio Pellegrino podia ter aproveitado a motivação conquistada pela vitória frente ao Celta, mas preferiu perder três pontos para estudar a melhor forma de parar o ataque catalão na final da taça.

Comentários