Liga Europa. Zlatan continua a resolver os problemas do United

16 avos-de-final
1ª Mão

Manchester United 3 St.Etienne 0

Golos: Zlatan Ibrahimovic 3

A insistência na utilização do belga Fellaini não se compreende. O belga continua no Manchester United, apesar dos treinadores mudarem todos os anos. 

O jogo e a eliminatória ficaram decididas pela arte de Zlatan Ibrahimovic, mas o resto da equipa continua frouxa e sem ideias. 

A aposta em Fellaini no onze titular revelou-se novamente um desastre pela forma como o belga se apresentou em campo, com pouca vontade de ajudar defensivamente e aparecendo em zonas de finalização. A ousadia custou-lhe o lugar na equipa na segunda parte, além de ter dado intranquilidade ao United durante o primeiro tempo. 

O Saint-Etienne aproveitou a descompensação defensiva para assustar com jogadas e remates perigosos, mas sempre bem controlados, pela defesa e o guardião do United. Apesar disso, a grande oportunidade dos franceses surgiu apenas aos 72 minutos. 

A alteração de Mourinho ao intervalo resultou em cheio. Lingard entrou para o lugar do belga, originando mais velocidade no ataque e organização defensiva. Os visitantes deixaram de realizar as mesmas jogadas perigosas, e o United teve mais bola nos pés. O francês Pogba também se adiantou no terreno efectuando vários remates perigosos fora da área, mas foi um cabeceamento à barra que levantou o estádio. 

O segundo golo só surgiu depois da entrada de Rashford. O miúdo fez a assistência para Ibrahimovic selar a partida, sendo que, a eliminatória ficou sentenciada pelo mesmo jogador com o 3-0 por via de uma grande penalidade.

O resultado não é um sinal de melhoria no United porque o St.Etienne é uma formação fraca, bem pior que algumas formações da Premier League. Ibrahimovic continua a ser o abono de família de José Mourinho. 

Comentários

Mensagens populares