La Liga. Dois pontapés de penalti falhados impedem mão-cheia de golos frente ao último

32ª jornada

Atlético Madrid 3 Osasuna 0

Golos: Ferreira-Carrasco 2, Filipe Luis

Os colchoneros venceram com facilidade o último classificado recorrendo a algumas mudanças como as saídas de Koke, Gabi, Niguez e de Griezmann.

Na ausência dos melhores jogadores, em particular do goleador Griezmann, Ferreira-Carrasco assumiu um papel importante na condução do ataque, mesmo com Torres no onze inicial. Nico Gaitán realizou uma boa exibição tendo assistido o belga no segundo tento. 

O resultado poderia ter sido mais volumoso se o Atlético tivesse concretizado dois pontapés de penalti consecutivos. Ferreira-Carrasco e Thomas permitiram a defesa de Sigiru e a contagem ficou em 3-0. 

O Atlético cumpriu antes da deslocação a Leicester, mantendo-se na luta pelo terceiro lugar.

Comentários

mts

Mensagens populares