Premier League. Reds vencem porque têm os melhores jogadores na grande área

32ª jornad

Crystal Palace  1 Liverpool 2

Golos: Benteke - Sadio Mane, Salah
MOM: Mohammad Salah

A chave da vitória do Liverpool esteve na qualidade dos jogadores. A diferença técnica entre Benteke e Salah possibilitou aos visitantes efectuarem uma má exibição, mas sair com três pontos fundamentais na luta pelo acesso à Champions League. 

O Crystal Palace marcou primeiro, teve capacidade defensiva para segurar as poucas situações do adversário. Contudo, o principal pecado foi ter desperdiçado três ocasiões na segunda parte, sendo que, duas delas pertenceram ao número 17 que já jogou no Liverpool. 

O empate de Mané aos 49 podia significar o assalto final à baliza de Hennessey, o que não aconteceu devido à entrega dos jogadores do Palace. 

Os golos dos visitantes confirmam que os avançados são letais na grande área, embora tenham pouca arte em buscar a bola ao meio-campo, onde costuma estar mais tempo durante o processo ofensivo. 

O cinismo do Liverpool só consegue ter frutos por causa da excelente capacidade de Mané e Salah, que se encontram ao nível dos melhores, mas apenas nos últimos metros.

Comentários