segunda-feira, 11 de junho de 2018

Team profile: Inglaterra


 Os ingleses prometem sempre grandes exibições, mas falham constantemente os objectivos. A falta de títulos desde 1966 pode ser uma razão para a ansiedade demonstrada, nomeadamente nas eliminatórias, já que, na fase de grupos costumam ser imparáveis, como sucede nas qualificações. O grupo chamado por Gareth Southgate parece ser equilibrado, sobretudo numa zona onde normalmente apresentam fragilidades. 

A convocação de poucos médios, embora com bastante qualidade e de muitos defesas significa que o seleccionador vai apostar no jogo exterior, já que, conta com vários talentos naquela zona do terreno, que deverão ser os principais municiadores de Harry Kane e Jamie Vardy no ataque. O sistema implementado deverá garantir maior equilíbrio na segunda fase da prova.

Ponto forte

Ataque - O sector ofensivo promete golos e situações perigosas de várias formas, seja através dos remates de Kane, da cabeça de Vardy ou dos lances individuais de Rashford, Sterling e Wellbeck

Ponto fraco

Pressão - Os responsáveis ingleses apostam tudo na conquista do Mundial 2022, mas em cada prova entram pressionados porque a selecção nem sequer disputa as meias-finais de um grande torneio desde o Euro 96

Playmaker

Harry Kane - O avançado é um goleador nato, mas também assume a posição 10, podendo libertar os colegas criativos para os flancos ou na zona central

Estrela Cadente

Delle Alli - O único tecnicista à disposição de Southgate tem a oportunidade de carregar a equipa às costas


Sem comentários:

Enviar um comentário