sábado, 7 de julho de 2018

World Cup 2018. Pickford permitiu o regresso da Inglaterra às meias-finais

Oitavos-de-final

Suécia 0 Inglaterra 2

Golos: Harry Maguire, Delle Alli


Os ingleses regressam às meias-finais de um campeonato do mundo após a última presença em 1990. A tarefa da selecção dos três leões não se adivinhava fácil, mas rapidamente se percebeu que a melhor forma de chegar ao golo seria imitar o jogo directo do adversário. Tendo em conta a melhor qualidade individual dos jogadores ingleses, o golo estaria sempre mais perto da baliza de Olsen. 

No primeiro tempo o controlo foi dividido, bem como as oportunidades antes do golo inglês. Claesson criou problemas a Pickford com um remate de meia distância aos 12 minutos. A resposta inglesa surgiu numa excelente jogada colectiva iniciada por Sterling que teve Harry Kane como o protagonista final. 

O golo dos ingleses acontece à meia hora de jogo num cabeceamento de Harry Maguire, que conseguiu ludibriar os centais suecos, embora contando com os conselhos do número 9. 

Na segunda parte, a Suécia arriscou mais, embora faltem soluções ofensivas no banco de suplentes. O jogo directo podia ter dado o golo num cabeceamento de Berg aos 47 minutos, sendo que, Forsberg tentou um remate de longe. 

Nos últimos vinte minutos intensificou-se o duelo entre o guardião inglês e o número 9 da Suécia, numa altura em que a partida estava totalmente controlada pelos ingleses, que mostraram bastante qualidade na troca de bola e no capítulo dos passes. A selecção está muito bem trabalhada por Gareth Southgate. 

O guarda-redes Pickford salvou dois remates de Berg, um de cabeça aos 61 e outro no coração da área dez minuntos depois, mantendo vivo o sonho da Inglaterra no Mundial.

Sem comentários:

Enviar um comentário