Other Languages

segunda-feira, 23 de julho de 2018

World Cup Best Player: André Carrillo


O jogador peruano realizou um grande campeonato do mundo, sendo a principal figura da selecção. Nos três jogos realizados pelo Peru na fase de grupos, o número 18 assumiu enorme protagonismo, apesar das esperanças recaírem no histórico Paolo Guerrero. 

Nos três desafios realizados, foi sempre o melhor jogador do Peru, sendo que, contra a Dinamarca e a Austrália acabou por ser eleito o homem da partida. No total, obteve cinco nomeações que permitiram alcançar o 10º lugar no ranking da Bota de Ouro do Quatro Linhas. 

O golo marcado à Austrália fica na história porque se tratou do primeiro de um jogador peruano em 36 anos. Contudo, a influência durante o torneio revelou-se mais ao nível da condução do jogo, nomeadamente no último passe, do que no plano ofensivo. Em 259 minutos só rematou duas vezes à baliza. Apesar de não ter feito qualquer assistência, o médio esteve sempre no início das jogadas de ataque como confirmam os 83 passes completos, sendo que, trinta foram curtos, 48 médios e cinco de longo alcance. 

Uma excelente prestação de um jogador que esteve apagado nas duas últimas temporadas em Portugal e não se destacou no recente empréstimo ao Watford. As exibições no Mundial poderão ser o início de uma nova fase na carreira.

World Cup Best Player Ranking: 10º lugar

Sem comentários:

Enviar um comentário